Tratamentos com radiofreqüência são destaque na Clínica CK no tratamento e rejuvenescimento facial


 
O processo de envelhecimento dá seus sinais a partir dos 30 anos e varia de intensidade de pessoa para pessoa. A face, o colo e o pescoço são as áreas mais atingidas por estarem mais constantemente expostas aos raios solares. “O envelhecimento ocorre porque diminui a quantidade de fibras elásticas e colágeno, responsáveis pelo vigor da pele.  O desafio da medicina estética tem sido justamente barrar a perda de colágeno ou estimular a sua produção”, explica a fisioterapeuta estética Cristina Rossetto, do Centro Estético CK.
 
Conforme Cristina, no que se refere ao rejuvenescimento facial, tem se obtido ótimos resultados com a utilização da radiofreqüência. “É uma tecnologia capaz de estimular a produção de colágeno e, assim, reverter e retardar os sinais do tempo, melhorando a pele sem provocar alterações que obriguem o afastamento do trabalho e das atividades diárias”, complementa a especialista. Ela destaca que o tratamento é clinicamente comprovado e atua de modo profundo na pele do rosto, mediante a aplicação de calor, sem lhe causar dano. Como resultado, no curto prazo, obtém-se a estimulação do próprio colágeno e, em um prazo mais longo, o seu remodelamento.
 
Durante as aplicações, são emitidas ondas eletromagnéticas que aquecem a derme e a hipoderme, promovendo uma contração das moléculas de colágeno e aumento da produção de neocolágeno que, após a intervenção, irá agir durante semanas, ou até meses. A radiofrequência gera energia e forte calor sobre a camada mais profunda da pele, enquanto na superfície a pele se mantém resfriada e protegida. “Vale ressaltar que os resultados da radiofrequência, assim como em todos os procedimentos médicos, dependem das características de cada pele e de cada paciente”, lembra Cristina.
 
Tecnologia de ponta
No Centro Estético CK, a técnica é aplicada com o REACTION – moderno aparelho que utiliza a tecnologia de radiofreqüência bipolar em três níveis de profundidade, associada ao vácuo. Na região facial, a radiofreqüência é utilizada sem vácuo e estimula a formação de colágeno, permitindo assim realizar o “skin tightening” (espessamento e enrijecimento da pele) e o tratamento de rugas e flacidez da face, de forma extremamente efetiva e sem necessidade de anestesia.  Para o rosto, são indicadas de 4 a 8 sessões, realizadas uma vez por mês.

Sugestão de Fonte:
– Cristina Rosseto – Fisioterapeuta Estética do Centro Estético CK.
– Carlos Renato Martins Kuyven – Cirurgião Plástico responsável pela a Clínica Kuyven e pelo Centro Estético CK.

Informações: www.clinicakuyven.com.br

Imprensa: Letícia Souza – LK News

Contato: (51) 9946.0809

Email: leticia@lknews.com.br

Talvez você também goste

Mais Sobre: Beleza

Não Perca

Compartilhar Conteúdo
Release / Artigo
Texto com Imagens
Vídeo
Youtube, Vimeo ou Vine
Áudio
Soundcloud ou Mixcloud
Imagem
Fotos e Imagens